Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > ORIENTAÇÃO AOS ALUNOS
Início do conteúdo da página

Guia do Aluno

Publicado: Sexta, 27 de Abril de 2018, 11h07 | Última atualização em Terça, 02 de Fevereiro de 2021, 17h42 | Acessos: 4611

                       

CENTRO DE INSTRUÇÃO DE ARTILHARIA DE MÍSSEIS E FOGUETES

“AQUI SE INICIA A ARTILHARIA DE MÍSSEIS E FOGUETES”

 

 

 

1.  HISTÓRICO DO CENTRO DE INSTRUÇÃO DE ARTILHARIA DE MÍSSEIS E FOGUETES

O EB (Exército Brasileiro) adquiriu nos anos 1990 cinco Baterias de Lançadores Múltiplos de Foguetes ASTROS II para modernizar a sua Artilharia de Campanha e de Costa. O material foi distribuído no Território Nacional da seguinte maneira:

1ª Bateria LMF, Brasília - DF

3ª Bateria LMF, Cruz Alta - RS

1ª Bateria do 10º GACosM, Macaé - RJ

6º GACosM, Praia Grande - SP

8º GACosM, Niterói - RJ

Posteriormente, o EB vislumbrou a necessidade de centralizar o material ASTROS II em local que facilitasse a sua manutenção, preparo e emprego, bem como possuísse amplo campo de tiro.

Decidiu-se através da Portaria Nr 619 do Cmt Ex, de 24 setembro de 2004, transformar o 6º GACosM em 6º GLMF/CIF, a partir de 31 de dezembro de 2004. As demais OM detentoras do material ASTROS II foram extintas e todo material foi concentrado nesta Unidade, que foi transferida para a cidade de Formosa, Goiás, no ano de 2004.

A grande capacidade do material, aliada a alta tecnologia, ensejou a criação de um centro de instrução que permitisse preparar os militares futuros operadores de tão complexo e moderno material de artilharia.

Assim, a Portaria Nr 022 do EME, de 28 de março de 2007, aprovou a diretriz de implantação do C I Art Fgt, vinculado ao 6º GLMF/CIF, permanecendo assim até a publicação da Portaria Nr 312 do Cmt Ex, de 11 de abril de 2014, na qual foi criado e ativado, com a denominação de Centro de Instrução de Artilharia de Mísseis e Foguetes.

Em 21 de agosto de 2017, a Portaria Nr 1052 do EME ativou o CI Art Msl Fgt. Desta forma, seu primeiro Comandante foi nomeado para o biênio de 2018/2019 pelo Comandante do Exército, tendo iniciado as atividades de cursos e estágios em suas novas instalações no Forte Santa Bárbara em março de 2018, com o Curso de Operação do Sistema de Mísseis e Foguetes para Oficiais e o Curso de Operação do Sistema de Mísseis e Foguetes para Sargentos.

Primeiro Comandante nomeado passa em revista à tropa do CI Art Msl Fgt durante cerimônia de assunção de comando.

 

 

2. MISSÃO DO CENTRO DE INSTRUÇÃO DE ARTILHARIA DE MÍSSEIS E FOGUETES

O Centro de Instrução de Artilharia de Mísseis e Foguetes tem por missão especializar os recursos humanos no emprego e na logística do sistema de mísseis e foguetes, e contribuir para a formulação da doutrina de emprego deste sistema da Artilharia do Exército Brasileiro.

 

3. O SISTEMA ASTROS

A história deste Centro de Instrução, também está relacionada a do Sistema ASTROS, sigla de Artillery Saturation Rocket System. Na  década  de  1980,  o  Presidente  do  Iraque  Saddam    Hussein encomendou à AVIBRAS um sistema de lançadores múltiplos de foguetes.

A AVIBRAS é uma empresa que pertence à indústria de defesa nacional e produzia sistemas de foguetes de sondagem e armas para a indústria bélica. Desenvolvia àquela época o Sistema ASTROS, que, financiado por Saddam Hussein, foi produzido em série a partir do ano de 1983 e entregue ao Iraque, tendo sido amplamente utilizado na guerra com seu vizinho Irã.

Posteriormente, na década de 1990, o Sistema ASTROS foi utilizado na Primeira Guerra do Golfo, sendo uma das armas iraquianas mais temidas pela coalização liderada pelos estadunidenses e por isso considerado alvo de alta prioridade.

Sistema ASTROS iraquiano empregado na 1ª Guerra do Golfo.

 

4. PROGRAMA ASTROS 2020

O Brasil caminha para ser uma importante Nação, com projeção cada vez maior no contexto  internacional, seja pela força de sua economia, com fulcro nas dimensões de seu território e na grandeza de suas riquezas, seja por sua natural liderança regional no continente sul-americano. Essas características impõem ao Brasil ter Forças Armadas estruturadas, equipadas, treinadas, adestradas, com grande poder de fogo, alcance e letalidade que lhe possibilitem respaldo as suas decisões soberanas nos foros internacionais.

No Processo de Transformação em desenvolvimento no Exército, foram elencadas onze novas capacidades,  destacando-se a dissuasão extrarregional. Das várias estratégias para atingir essa capacidade, ressalta-se a que estabelece que a F Ter (Força Terrestre) possua um sistema de apoio de fogo de longo alcance e com elevada precisão.

Para atender a essa estratégia, o Comandante do Exército determinou a elaboração do Programa Estratégico ASTROS 2020, a fim de dotar a F Ter de meios capazes de prestar um apoio de fogo de longo alcance, com elevada precisão e letalidade.

Com início no ano de 2012 e previsão de término em 2023, o Programa ASTROS 2020 contempla, em seu escopo, projetos de pesquisa e desenvolvimento (P&D), de aquisição e de modernização de viaturas do Sistema ASTROS e de construções de instalações de organizações militares.

O ASTROS 2020 é um sistema multicalibre, com alta mobilidade e capaz de lançar foguetes à longa distância, concebido como sistema de armas estratégico com grande poder de dissuasão. Atualmente o Exército Brasileiro possui a sua disposição para lançamento pelo Sistema ASTROS 2020 os foguetes SS-30, SS-40, SS-60 e SS-80, que permitem saturar com suas submunições, grandes áreas a uma distância que varia de 10 a 90 quilômetros ao nível do mar, de acordo com as tabelas de tiro do material. Conta ainda com o foguete de treinamento SS-09-TS, um foguete de sinalização que barateia o treinamento das guarnições ASTROS durante a realizações de exercícios como, por exemplo, escolas  de fogo.

Além das armas apresentadas, encontram-se em desenvolvimento pela AVIBRAS, dentro do Programa Estratégico ASTROS 2020, o Foguete SS-40 Guiado, cuja capacidade de guiamento visa reduzir pela metade o CEP Veículos componentes do Sistema ASTROS 2020.

Na área de P&D encontram-se os projetos de desenvolvimento do Míssil Tático de Cruzeiro (MTC) e do Foguete Guiado SS-40G, ambos contratados junto à empresa AVIBRAS e executados em parceria com o Exército Brasileiro (EB), bem como o Sistema Integrado de Simulação ASTROS (SIS-ASTROS), desenvolvido pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM).

O projeto de aquisições de novas viaturas do Sistema ASTROS objetiva a compra de viaturas, na versão MK-6, sendo que algumas já se encontram em operação. O projeto de modernização contempla as viaturas ASTROS das versões MK-2 e MK-3 do 6º Grupo de Mísseis e Foguetes (6º GMF) e visa colocá-las no mesmo patamar de funcionalidade e operacionalidade das viaturas MK-6.

Na área da construção civil, o programa contempla a construção do Forte Santa Bárbara, situado na cidade de Formosa/GO, o qual irá centralizar todas as Organizações Militares relacionadas ao emprego de mísseis e foguetes do Exército Brasileiro. O CI Art Msl Fgt e o Centro de Logística de Mísseis e Foguetes já estão em pleno funcionamento.

O Programa Estratégico ASTROS 2020, além de ser indutor de transformação do Exército Brasileiro, participa do desenvolvimento nacional, na medida em que, alinhado com a Política Nacional de Defesa e com a Estratégia Nacional de Defesa, proporciona o fomento da Base Industrial de Defesa, possibilita a geração de mais de 7.000 empregos diretos e indiretos nas áreas de ciência, tecnologia e construção civil, além de inserir o meio acadêmico nos assuntos de defesa.

 

 

5. ORGANIZAÇÃO DO CENTRO DE INSTRUÇÃO DE ARTILHARIA DE MÍSSEIS E FOGUETES

O Centro de Instrução de Artilharia de Mísseis e Foguetes é uma Organização Militar subordinada ao CMP (Comando Militar do Planalto). Está vinculado ao DECEx (Departamento de Educação e Cultura) através da DETMil (Diretoria de Ensino Técnico Militar) na vertente do Ensino. Para fins de Preparo e Emprego a Organização está vinculada ao COTER (Comando de Operações Terrestres). Futuramente comporá o Comando de Artilharia do Exército, que ocupará suas futuras instalações no Forte Santa Bárbara, dentro do Processo de Transformação da F Ter.

Está organizado nas seguintes Divisões: 

Divisão Administrativa e de Apoio ao Ensino

Seção de Pessoal;

Seção de Inteligência e Operações;

Seção Administrativa;

Seção de Apoio ao Ensino;

Seção de Técnica de Informática;

Seção de Apoio ao Comando;

Divisão de Ensino

Seção Técnica de Ensino;

Seção de Planejamento;

Seção de Ensino A (OEArt Msl Fgt);

Seção de Ensino B (Op Sis Msl Fgt);

Seção de Ensino C (Mnt Sis Msl Fgt);

Seção de Ensino D (EAD);

Seção de Ensino E (Busca de Alvos); e,

Seção de Cursos Internacionais.

 Divisão de Doutrina e Pesquisa

 Seção de Doutrina; e,

Seção de Pesquisa.

Divisão de Simulação

 Seção de Simulação Virtual; e,

Seção TBC.

 Divisão de Alunos

 Seção de Pessoal; e,

Seção de Apoio.

 

Maquete do CI Art Msl Fgt.

 

 

6.  CURSOS E ESTÁGIOS MINISTRADOS NO CENTRO DE INSTRUÇÃO DE ARTILHARIA DE MÍSSEIS E FOGUETES

 

Curso de Planejamento de Emprego do Sistema de Mísseis e Foguetes para Oficiais Superiores do QEMA;

Curso de Operação do Sistema de Mísseis e Foguetes para Oficiais;

Curso Internacional de Operação do Sistema de Mísseis e Foguetes para Oficiais e Sargentos de nações amigas detentoras do Sistema ASTROS (EXPERIMENTAL);

Curso de Operação do Sistema de Mísseis e Foguetes para Sargentos;

Curso Avançado de Artilharia de Mísseis e Foguetes para Sargentos;

Curso Intermediário de Artilharia de Mísseis e Foguetes para Oficiais;

Curso de Gerente Logístico do Sistema de Mísseis e Foguetes;

Curso de Manutenção Eletrônica do Sistema de Mísseis e Foguetes para Sargentos;

Curso de Manutenção Mecânica do Sistema de Mísseis e Foguetes para Sargentos; 

Estágio de Operação do Sistema de Mísseis e Foguetes para Sargento Combatente Temporário de Artilharia;

Estágio de Operação do Sistema de Mísseis e Foguetes para Oficiais Combatentes Temporários de Artilharia;

Estágio de Planejamento de Fogo e Análise de Alvos;

Estágio de Comunicação e Transmissão do Sistema de Mísseis e Foguetes; e

Estágio de Meteorologia Balística para Oficiais e Sargentos (realizado em anos pares).

 

 

7. INFORMAÇÕES DIVERSAS  

Alojamentos

Os alojamentos do CI Art Msl Fgt estão disponíveis para os alunos de todos os cursos e estágios. O Centro oferece dormitórios, banheiros, salas de estudo e acesso à internet.

Refeições

As refeições são realizadas no refeitório do 6º GMF. Os alunos deverão arranchar-se no CIArtMslFgt de acordo com as suas necessidades. Os horários das refeições deverão seguir o prescrito no Horário do Corpo a ser distribuído em data oportuna.

Instrução

A instrução é realizada nas salas de aula, salas de simulação e no terreno. As atividades, em princípio, iniciarão às 0800h e terminarão às 1630H de segunda a sexta-feira, com pequenos intervalos entre os tempos de aula e um grande intervalo para o almoço. O Treinamento Físico Militar está previsto conforme o Quadro de Trabalho Semanal. Os cursos e estágios do CIArtMslFgt realizam avaliações práticas e teóricas que resultarão na aprovação ou não do aluno. É importante que o aluno se dedique para obter um bom desempenho.

Próprio Nacional Residencial (PNR)

As Organizações Militares que compõe o Forte Santa Bárbara possuem 79 (setenta e nove) Próprios Nacionais Residenciais. Os 79 (setenta e nove) Próprios Nacionais Residenciais estão distribuídos das seguinte forma: 01 (um) para Of Gen, 13 (treze) para Oficial Superior, 14 (quatorze) para Oficial Intermediário/Subalterno e 51 (cinquenta e um) para S Ten/Sgt, todas na Vila Militar, localizada no bairro Parque Laguna II. Existe a previsão de construção de mais PNR. Todos voltados para os militares do Forte Santa Bárbara.

Próprio Nacional Residencial do Forte Santa Bárbara

 

8.  A CIDADE DE FORMOSA 

Aspectos históricos e geográficos

A cidade de Formosa é um município do Leste de Goiás, distante 282 quilômetros da capital do Estado, Goiânia, e 80 quilômetros da Capital Federal, Brasília. Sua história remonta ao tempo dos bandeirantes, que desbravaram a região na busca de ouro e outros metais preciosos. Esgotadas as possibilidades minerais, foi-se constituindo um povoamento como ponto de passagem de tropeiros entre o sertão da Bahia e das Minas Gerais e a capitania de São Paulo e as minas de Goiás. O primeiro nome do povoamento foi o de Arraial dos Couros. Foi elevada à categoria de vila com o nome de Vila Formosa da Imperatriz no ano de 1843, em homenagem a Imperatriz Dona Teresa Cristina, sendo depois denominada cidade de Formosa com o advento da República. Possui uma área de aproximadamente 6.000 km² e população de 114.000 habitantes, sendo que boa parte vive na Zona Rural. Situa-se a aproximadamente 900 metros de altitude em relação ao nível do mar. O clima predominante é o Tropical Sazonal, com verões quentes, úmidos e com elevadas precipitações pluviométricas e invernos secos e amenos. A temperatura média anual é de 22,6ºC.

 

Posição de Formosa em relação ao Estado de Goiás, ao Distrito Federal e ao Brasil

O Índice de Desenvolvimento Humano do PNUD é de 0,744, considerado alto. Sua economia está baseada na agropecuária, sendo a cidade de Formosa importante polo produtor  de leguminosas como a soja e o feijão e de cereais como o milho. A cidade também é conhecida por sua tradicional produção de carne bovina. O setor de serviços está de acordo com uma cidade de 100 mil habitantes e também representa importante papel na economia local. Formosa também é considerada um importante polo moveleiro do leste goiano. O sistema de transportes urbanos possui ônibus municipais, táxi      e      moto-táxi.      A      cidade      possui      uma    rodoviária intermunicipal/estadual no seu centro que possui ônibus diários para as principais cidades de Goiás e do Distrito Federal. Há um aeroporto municipal que é utilizado por empresas de táxi-aéreo, não sendo servido por linhas regulares de aviação regional. A principal via de acesso a cidade é a Rodovia BR 020, que une o Distrito Federal à cidade de Fortaleza e possui uma extensão de 2038 quilômetros em seu traçado. No seu sentido E-SW une as cidades de Formosa e Brasília, com uma extensão de aproximados 80 quilômetros de estrada duplicada com boa pavimentação. O acesso à Formosa também pode ser realizado por  via aérea pelo Aeroporto Internacional de Brasília, que possui sistema de transporte público que o conecta com a Rodoviária de Brasília e esta, por conseguinte, possui transporte direto para a Rodoviária de Formosa. O custo de vida na cidade é barato em todas as áreas, principalmente em moradia, vestuário e alimentação. O preço médio dos aluguéis é de 1000 (mil) reais nas zonas centrais. A cidade possui um cinema e a principal área comercial situa-se no Centro, próximo à Prefeitura e a Catedral Diocesana Católica. Importantes avenidas comerciais são a Avenida Brasília (diversos) e Lagoa Feia (mecânica e autopeças).

 

Catedral Diocesana de Formosa no Centro da Cidade

Turismo e esportes.

O município de Formosa é uma região privilegiada pela natureza. A cidade situa-se no Planalto Central Brasileiro e por  isso é dotada de inúmeras cachoeiras, poços, nascentes de rios e chapadas. Além da proximidade com o Distrito Federal e as possibilidades turísticas da cidade de Brasília, a cidade de Formosa está a menos de 200 quilômetros da belíssima Chapada dos Veadeiros e do seu Parque Nacional. Não obstante as grandes atrações turísticas do seu entorno, Formosa possui a oitava maior queda d’água do Brasil, o Salto do Itiquira, com seus impressionantes 168 metros de queda ininterrupta. Dotado de um Parque Municipal, de restaurantes e um balneário, o Salto do Itiquira dista apenas 35 quilômetros do Centro de  Formosa e o acesso é feito por via estadual bem pavimentada e sinalizada.

 

Salto do Itiquira

Outras atrações turísticas da cidade são o majestoso Buraco das   Araras,   dolina   de   colapso   que   possui   105   metros     de profundidade e 295 de largura; o belo Poço Azul, e o Sítio Arqueológico da Toca da Onça, com suas figuras rupestres. A mais importante e tradicional atração da cidade é a  Festa do Divino Espírito Santo, que ocorre todos os anos durante a solenidade de Pentecostes, 50 dias após a Páscoa. A cidade se mobiliza para a festa onde as pessoas vestem a cor vermelha e enfeitam as suas ruas e casas. São realizadas quermesses e diversas atividades. Na área de esportes, a cidade de Formosa é conhecida por ser um dos melhores locais para a realização de voo livre do Brasil. Além disso, possui inúmeros ciclistas, sediando várias competições regionais de ciclismo de montanha. 

Educação 

A cidade é servida por creches e escolas de ensino fundamental e médio, públicas e privadas, possuindo inclusive uma escola bilíngue. As principais escolas são: 

Colégio Visão (bilíngue).

Colégio São José.

Colégio dos Sagrados Corações.

 O preço médio das escolas gira em torno de 500 (quinhentos) reais para o ensino fundamental e 700 (setecentos) reais para o ensino médio. Os estabelecimentos que oferecem ensino de nível superior são os seguintes:

IFG - Instituto Federal de Goiás: biologia, engenharia civil, ciências sociais, e diversos cursos técnicos. UEG - Universidade Estadual de Goiás: geografia, história, matemática, química, letras IESGO - Instituto de Ensino Superior de Goiás: administração, direito, enfermagem, sistemas de informação, pedagogia, matemática, letras e rede de Faculdade CAMBURY: administração, gestão de tecnologia da informação, gastronomia, marketing, tecnologia de processos gerenciais, ciências contábeis, e estética e cosmética. O custo dos cursos universitários está de acordo com o cobrado nas principais cidades brasileiras.

Saúde

A cidade possui dois grandes hospitais: o Hospital Regional (público) e o IBCC (privado). Além disso, possui inúmeras clínicas médicas e laboratórios e é atendida pelo SAMU através do telefone 192 e pelo Corpo de Bombeiros pelo telefone. O Forte Santa Bárbara possui um Posto Médico de Guarnição localizado na Vila Militar, com atendimentos de clínica geral e odontologia. O FUSEX encaminha a maior parte das consultas na rede de clínicas da própria cidade de Formosa, contudo emergências graves ou exames mais complexos são encaminhados para o Hospital Militar de Área de Brasília ou para o Hospital das Forças Armadas

  • Telefones úteis - Código DDD (061) 

HOTÉIS E POUSADAS

Serrador

3631-1882

Sofisticatto Park

4141-7631

ABC Palace

3631-1030

Avenida

3631-5929

Betto´s

3631-3005

Pousada do Bosque

3631-1960

Imperatriz

3631-2061

Solaris

3631-1727

TAXI

Taxi Rodoviária

3981-1101

Disk Taxi

99978-4622

ALUGUEL DE CARROS

Localiza

3642-4638

ACADEMIAS

MN

3642-3121

Túlio Vaz

3631-6223

Atrium

3642-1666

Atitude

3718-3711

RESTAURANTES

Mediterranium

3718-1700

Dom Fernando

99905-1887

Churrascaria      La Palma

3642-4497

Panela de Ferro

3632-1665

Pizza Bella Donna

3631-8814

Casarão

3631-2279

Giraffa's

4000-1515

Subway

3642-5520

AGÊNCIAS BANCÁRIAS

Banco do Brasil

3631-2770

Bradesco

3631-4450

Itaú

3631-4700

BRB

3632-9100

CEF

3642-9300

-

-

 

SEJA BEM-VINDO AO CENTRO DE INSTRUÇÃO DE ARTILHARIA DE MÍSSEIS E FOGUETES!

Sucesso e Fé na Missão!

Endereço e contato:

CI Art Msl Fgt – Divisão de Alunos

Rodovia BR 020, Km 07. Village. Caixa Postal 147, Sala A. Formosa – GO

73814-500

Telefone: (61) 2035-1258 (Divisão de Alunos do CI Art Msl Fgt)

e-mailEste endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.


 


 

 

Fim do conteúdo da página